Você está aqui: Página Inicial / Notícias / Brasil conquista mais duas vagas e aumenta recorde de participação para Jogos Paralímpicos de Inverno Pequim 2022

Geral

22/10/2021 11h50

Paralímpicos

Brasil conquista mais duas vagas e aumenta recorde de participação para Jogos Paralímpicos de Inverno Pequim 2022

Wesley Vinícius no para cross-country e André Barbieri no para snowboard garantem a participação nos Jogos da China

A World Para Snow Sports, Federação Internacional dos Esportes Paralímpicos de Neve, anunciou a alocação da primeira rodada de convites bipartite para os Jogos Paralímpicos de Inverno de Pequim 2022 e o Brasil conquistou mais duas vagas, por meio desse sistema, para os seguintes atletas: Wesley Vinícius dos Santos no Para Cross Country e André Barbieri no Para Snowboard (com participação em ambas as provas, Banked Slalom e Snowboard Cross, nos Jogos).

Os Jogos Paralímpicos de Inverno de 2022 serão realizados em Pequim, na China, entre os dias 04 e 13 de março. Com isso, agora serão quatro homens e uma mulher representando o cross country brasileiro em Pequim, coroando um ciclo de grande desenvolvimento da modalidade paralímpica no país.

Foto: Marcio Rodrigues/MPIX/CPB

"O anúncio dessas vagas antes do início da temporada de inverno nos dá tranquilidade para planejar o treinamento e periodização dos atletas pensando nos Jogos e não nas competições classificatórias, aumentando as chances de boas performances", disse Leandro Ribela, coordenador do programa brasileiro de cross country da Confederação Brasileira de Desportos na Neve (CBDN).

Dessa forma, o Brasil aumenta seu recorde de participação nos Jogos Paralímpicos, totalizando agora seis vagas para o megaevento, com quatro vagas no cross country masculino, uma vaga no cross country feminino e uma vaga no snowboard.

Com a conquista de seis vagas, o país dobra seu o recorde anterior, que ocorreu na participação dos Jogos Paralímpicos de Inverno de 2018 realizados em PyeongChang, na Coreia do Sul.

"Na temporada espero fazer o meu melhor nas competições que antecedem os jogos paralímpicos e adquirir mais experiência ao longo do caminho para chegar até os jogos preparado", diz Wesley Vinicius, atleta paralímpico de cross country.

Os atletas estão focados nos treinamentos e competições, e alguns resultados históricos do país começam a aparecer: as equipes olímpica e paralímpica brasileiras chegam em alto nível para as competições com recorde de atletas participantes. Já são 10 vagas confirmadas no total para o Brasil na neve de Pequim 2022.

"Estamos satisfeitos em termos, já em outubro, a maior delegação brasileira de neve para os Jogos Paralímpicos. Ainda temos muito trabalho pela frente e boas chances de classificar outros atletas, mas o resultado nos mostra que o planejamento e o trabalho de todos os envolvidos está no caminho certo", afirmou Pedro Cavazzoni, CEO e superintendente técnico da Confederação Brasileira de Desportos na Neve (CBDN).

"Ficamos extremamente felizes com a confirmação dessa vaga para o Wesley no Para Cross Country. Ele merece muito essa vaga por tudo que se dedicou e melhorou nas duas últimas temporadas", completou.

Fonte: Comitê Paralímpico Brasileiro